Bruno Lamas reassume mandato de deputado estadual no lugar de Freitas

Compartilhe

DEPUTADO estadual Bruno Lamas.

 

Depois de exercer a função de secretário de Estado de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades) por 14 meses no governo de Renato Casagrande (PSB), Bruno Lamas, também do PSB, volta a exercer o cargo de deputado estadual, do qual havia se licenciado em fevereiro de 2019.

O ato de exoneração de Bruno Lamas Silva foi publicado no Diário Oficial do Estado (DIO-ES) desta quinta-feira (2) e de sua reassunção ao cargo de deputado estadual no Diário do Poder Legislativo (DPL) na mesma data.

Durante o licenciamento de Lamas quem assumiu a cadeira no parlamento foi o deputado Freitas (PSB), que agora deixa o cargo, conforme reza a Constituição Estadual e o regimento interno da Casa. Freitas, inclusive, foi líder do governo na Assembleia Legislativa de 30 de novembro de 2019 até o momento. Agora, Casagrande tem de escolher outro deputado para exercer essa função.

Bruno Lamas

Lamas já presidiu, na Assembleia Legislativa, a Frente Parlamentar de Apoio a Micro e Pequenas Empresas e a Frente Parlamentar de Combate à Pesca Predatória e pela Preservação de Nascentes.

Com base política no município da Serra, cumpriu mandato de vereador por três vezes. Como deputado estadual, exerce o seu segundo mandato consecutivo. Em 2018, recebeu 16.979 votos. É empresário, formado em Administração de Empresas e pós-graduado em Gestão Pública.

Freitas

Ao tomar posse de seu quarto mandado como deputados estadual, no qual ficou pouco mais de um ano, José Eustáquio de Freitas anunciou as áreas de sua atuação, começando pela reestruturação das polícias civil e militar, descentralização dos serviços de saúde, fortalecimento da agricultura e reaberturas de escolas rurais fechadas.

Freitas tem seu colégio eleitoral prioritariamente na região norte do estado, principalmente São Mateus. Tem a vaga de suplente na coligação PSB-DC, na qual recebeu 15.320 votos nas eleições de 2018. Foi representante comercial no setor farmacêutico e hoje é produtor rural.